Pular para o conteúdo principal

Hora de Ler: O Dia da Morte de Denton Little - Lance Rubin



Faaaaala galerinha, tudo certo? Depois de um tempo estou de voltaaaa! Hoje com o que posso chamar de comédia-fúnebre ou algo perto disso, vammos conhecer Denton Little?


Denton Little sabe que dia vai morrer. É uma triste prerrogativa oferecida pelo governo: sempre que uma criança nasce, uma série de cálculos e exames é aplicada para definir o dia exato em que ela vai morrer. O dia de Denton é amanhã.

O jovem de dezessete anos tinha um plano bem definido para seus últimos momentos: um café da manhã com muito bacon, uma corridinha para espairecer, uma maratona de filmes com o melhor amigo e finalmente perder a virgindade com a namorada. Só que nada sai como o esperado. 

Na véspera de sua morte, Denton acorda numa cama que não é a sua e com uma garota que não é a sua namorada. E esse foi só o começo dos acontecimentos bizarros e surpreendentes. Até seu último adeus, ele ainda terá que enfrentar crises de ciúme, triângulos amorosos, ressacas monumentais, manchas estranhas se espalhando pelo corpo e revelações surpreendentes sobre sua mãe, já morta. 

Divertido, sarcástico e sensível, O dia da morte de Denton Little é uma história sobre amor, morte, amizade, escolhas e, principalmente, sobre encontrar respostas para perguntas que nem imaginávamos que nos faríamos um dia.

O que você faria se só lhe restasse um dia?


~

Já adianto que o livro me surpreendeu deforma positiva, mas não foi nada do que eu estava esperando pela sinopse, por envolver morte pensei que fosse um sick-lit mas ele passa muuuuito longe disso. O autor (que é estreante) soube abordar um assunto sério de uma forma extremamente sarcástica e ao mesmo tempo leve, no maior estilo britânico de humor o que é um ponto forte para a obra no geral. 

Sobre o enredo em si: ficamos sabendo o que se passa na cabeça de um adolescente no seu dia de morte (bizarro!) todas as dúvidas  em relação a Mãe que nunca conheceu, os amigos a que ele vai se despedir etc, mas claro que não seria tão simples pois ele bebe muito no dia anterior, trai a namorada com a irmã do melhor amigo e está devidamente formado um triângulo amoroso mortal! (piadinha sem graça).

A escrita de Lance é bem dinâmica, te deixa curioso mas ainda assim "cansa" um pouco aquela coisa de que Denton vai morrer, se torna um pouco repetitiva até ele nos surpreender com o gran finale que te deixa literalmente sem ar. Não esperava tanta ação, acontece tipo uma mudança de gênero uma coisa fantástica, de repente vira um thriller de ficção científica com direito a conspiração e tudo o mais fora as surpresas levando seu queixo ao chão de tão COMO ASSIM??? o livro acaba e deixa espaço para uma continuação que será lançada ano que vem.



A sensação que tive foi de estar lendo Selva de Gafanhotos mais organizado, porque esse livro é linear mas tem muita aleatoriedade no meio do caminho além de algumas semelhanças com o outro citado (melhores amigos, triângulo amoroso - aqui hétero -, clima apocalíptico - afinal a vida de Denton vai acabar!-) ainda bem que acaba por aí pois diferente de Andrew Smith, Lance conseguiu amarrar a história sem se perder nem ter dado um tiro no próprio pé.

Quotes

Não quero ser um babaca, gente. Por um lado, fico feliz pelas pessoas ruins. A adversidade faz de nós o que somos, sabe?

Acho que estar em casa inspira algum tipo de esperança cega, um sentimento de que nada realmente ruim poderia acontecer naquele espaço sagrado de familiaridade e conforto.

Aprendi mais tarde que são geralmente os caras que não fazem sexo que guardam camisinha na carteira [...]

O que são mensagens de texto afinal? Apertamos botõezinhos em pequenas máquinas para formar palavras que são dispostas lado a lado para formar frases que...

No final das contas é um livro bom, agradável, com humor ácido e tiradas muito boas que me fez rir, pensar sobre alguns aspectos e merece 3 estrelas. Esperei outra coisa/mais não foi uma decepção mas também não foi O livro do ano.



O Dia de Morte da Denton Little, de Lance Rubin é composto por 336 páginas, comercializado pela editora Intrínseca e á venda em todo país.