Hora de Ler: Simon vs a Agenda Homo Sapiens - Becky Albertally


Faaaaaaaaala galerinha! Parece que já tenho o favorito de 2016 nos primeiros meses do ano, como isso? Confiram a seguir!
Para meu alívio depois de uma leitura tensa com Léxico esse livro apareceu e me curou da quase-ressaca causada por Max Barry, foi por pouco hein!

Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.


Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.
Agora, o adolescente avesso a mudanças e apaixonado por biscoitos Oreo precisará encontrar uma forma de sair de sua zona de conforto e dar uma chance à felicidade ao lado do menino mais confuso e encantador que ele já conheceu.

Uma história que trata com naturalidade e bom humor de questões delicadas, explorando a difícil tarefa que é amadurecer e as mudanças e os dilemas pelos quais todos nós, adolescentes ou não, precisamos enfrentar para nos encontrarmos.

~

AI. MEU. DEUS! Foi o sentimento quando terminei o livro em meio as lágrimas e toda fofura envolvida nessa trama, ainda to procurando meu Blue :(

Parando com a frescura bajulação um pouco nem sei por onde começar,mas já digo que o livro super respondeu as minhas expectativas. A autora soube abordar muito bem a questão da descoberta sexual dos meninos que ficamos sabendo os detalhes através dos e-mails, embora o universo criado por Becky seja bem utópico não ultrapassou nenhum limite, só acontecem muito facéis as coisas, até o bullying é leve e não recebe a atenção devida por aqui. Em suma um livro leve e MUITO, MUITO FOFINHO!

No começo somos apresentados aos amigos e família de Simon, parecem ser tantos personagens/nomes que de início é meio confuso porém ela soube explorar isso e já no 5 capítulo já estamos devidamente familiarizados com o "cast" da obra. Outra coisa bacana é o fato do livro ser "atual" falando abertamente de redes sociais principalmente o Tumblr, isso deu uma proximidade com a realidade principalmente ao público a que é destinado, mais um ponto positivo; sem falar nas referências musicais como Passion Pit, Elliot Smith e outras coisinhas indie-moderninhas que aparecem durante a obra.

Essa imagem só faz sentido depois de ler a obra.
Continuando com os elogios: As histórias de cada personagem são devidamente exploradas e FECHADAS aprende David Levithan sem nenhum gancho ou dúvida no final da leitura EU QUERO ABRAÇAR ESSA MULHER! Para um livro de estreia ela apenas sambou lindamente.

Eis a inevitável comparação que SEMPRE irei fazer por motivos de ter sido o melhor livro do gênero que li - Simon Vs Ari e Dan: O livro é bom, é ótimo, é fofo MAAAAS faltou um pouco de profundidade nas questões citadas, talvez "seriedade" seria a palavra pois tudo parece muito fácil e os problemas de alguns (maioria) dos personagens soa fútil ás vezes. Nada que tire o mérito de favorito do ano até o momento.

Extras

Quando gosto muito de um livro começo a procurar um monte de coisa relacionada feito louco e aqui vão algumas:

Iggy Azalea adorou o livro!
*"Eu realmente amei ler "Simon vs a Agenda Homo Sapiens" mesmo sabendo que sou mais velha que o público-alvo (do livro)"
*tradução livre antes que me esfaqueiem aqui tá?

Uma coleção no Pinterest com fanart (se vc não leu cuidado com spoilers)

O TUMBLR DO LIVRO!

Um teste/infográfico interativo pelo EpicReads que a Intrínseca traduziu

Passion Pit, a banda que Simon ama



 

Quotes

Sentir-se seguro quanto à masculinidade não é a mesma coisa que ser hétero.


As pessoas perdem a dignidade quando o assunto é bolo. É uma coisa linda de se ver.

Tenho que admitir que fico nervoso só de pensar em você como alguém realmente ligado à minha vida, em vez de uma pessoa anônima da internet.

 Obviamente 5 estrelas nesse livro fofo da capa maravilhosa. Leiaaaam! <3



Ah, não consegui ter problema com nenhum personagem pois antes de ler vi por acaso uma critica no facebook sobre Simon ser muito chato e o antagosnista ser melhor que ele etc. Talvez porque eu me apegue a história como um todo raaaaaaaaramente tenho antipatia com algum personagem.

Simon vs a Agenda Homo Sapiens, de Becky Albertally é composto de 272 páginas, publicado pela Editora Intrínseca e á venda em todo país.