Hora de ler: Fãs do impossivel - Kate Scelsa



Faaaala galerinha, tudo bem? Preparem os lencinhos pois hoje tem livro que vai fazer vocês pensarem um pouco sobre a vida e claro, se emocionarem também. Preparados?!

Hora de Ler : Lugar Nenhum - Neil Gaiman


Faaala galerinha, tudo certo? Nossos encontros estão ficando meio espaçados mas por um bom motivo, e prometo que esse mês tem sorteio! Hoje vocês irão conhecer um pouco da mente incrível de Neil Gaiman numa obra prima digna do País das Maravilhas, partiu?!

Hora de Ler: Welcome to Night Vale - Jeffrey Cranor, Joseph Fink


E ai galerinha, tudo certo?! De volta com um livro muito louco e que deixou muitas saudades também, bora conferir?

Hora de Ler: Thanks for the Trouble - Tommy Wallach



Parker Santé não fala uma palavra há 5 anos.
Enquanto seus amigos de classe planejam futuros brilhantes, ele falta as aulas vagando pelos hotéis, matando tempo observando os hóspedes. Mas quando ele encontra uma menina do cabelo platinado chamada Zelda Tooth, uma menina que parece ser mais velha do que aparenta, ele irá descobrir que devem ter algumas coisas importantes a considerar sobre a vida.

~

Tudo certo galerinha? Sei que ando sumido, pretendo explicar o motivo em breve. Lembrando que evito muito spoiler então as informações podem soar “superficiais” mas é para não estragar a surpresa de quem se interessar pela obra.

O livrinho de hoje cumpre com o prometido principalmente em relação ao protagonista que começa a ver o mundo de outra maneira, Zelda veio com a função de ser “a luz” para o menino que estava perdido em relação a tudo devido ao acidente em que o pai morreu. O autor mostra bem vagarosamente como essa evolução acontece, o que da um tom real a obra.

Não sabemos de absolutamente nada ao iniciar a leitura e ficamos no escuro até dado momento em que o autor através de flashbacks vai nos introduzindo na vida dos personagens. O mais incrível são os temas explorados, os personagens mostrados com detalhes e sem nenhum furo no final, o livro realmente fecha.

Com uma escrita hora divertida, hora reflexiva, esse livro é daqueles que você não consegue largar ainda mais com capítulos pequenos fica difícil querer parar. Posso dizer que é uma história de superação, vemos um menino “doente” com problemas de interação (ele não consegue falar) aos poucos ir melhorando e quase falando no final. Cheio de reflexões alguns poucos clichês mas que não desmerecem a obra, da para relevar.

Quotes

“Things hurt more when you don’t have any perspective of pain”
“Love is nothing more than a fortuitous collision  of circumstances”
“Maybe the closest thing we mortals get to magic is just change”


4 estrelas por tudo, apesar de ser um lançamento recente não tá com hype lá fora, o que ajuda a não criar expectativas. Espero que tragam para o brasil.


Hora de Ler: O Dia da Morte de Denton Little - Lance Rubin



Faaaaala galerinha, tudo certo? Depois de um tempo estou de voltaaaa! Hoje com o que posso chamar de comédia-fúnebre ou algo perto disso, vammos conhecer Denton Little?